Brasil se despede da Copa Independência com seis medalhas

O Boxe Olímpico do Brasil encerrou a sua participação na 34ª Copa Independência com a conquista de três medalhas de Ouro, uma de Prata e duas de Bronze.

O pesado (91kg) Juan Nogueira não deu chances para o chileno Miguel Velez e conquistou o Ouro após vencer a final por decisão unânime (3:0).

Graziele de Jesus (52kg) teve uma final difícil contra a dominicana Arileida Santiago, mas venceu por 2:1 e subiu no lugar mais alto do pódio.  O adversário de Julião Neto, o dominicano Gerardo Valdez, foi reprovado no exame médico que antecedeu a final da categoria mosca (52kg) e o brasileiro acabou sendo declarado vencedor por W.O.

Flávia Figueiredo disputou a final da categoria 75kg contra a atleta da casa Yenebier Guillen, que teve o apoio da torcida local. Não deu para Flávia, que perdeu o combate por 3:0. A brasileira ficou com a Prata.

Carlos Rocha (56kg) e Andreia Bandeira (75kg) conquistaram a medalha de Bronze. A Confederação Brasileira de Boxe de orgulha de mais uma excelente campanha dos representantes do Boxe Olímpico do Brasil.

Os representantes brasileiros foram os seguintes:

Boxe Masculino:

Julião Neto 52kg

Carlos Silva 52kg

Carlos Rocha 56kg

Arisson Santos 69kg

Juan Nogueira 91kg

Boxe Feminino:

Graziele de Jesus 51kg

Adriana Araujo 60kg

Flavia Figueiredo 75kg

Andreia Bandeira 75kg

Técnico:

João Carlos

Preparador Físico:

Igor Cruz